Equipamentos de segurança que não podem faltar no carro
Equipamentos de segurança que não podem faltar no carro

A cada ano, milhões de veículos novos são licenciados, tornando o trânsito nas cidades e nas rodovias cada vez mais intenso. Infelizmente, tal situação tende a aumentar o número de colisões e acidentes causados por imprudência ou falta de segurança básica. Por isso, as montadoras têm investido pesado no desenvolvimento e na melhora dos equipamentos de segurança dos carros.

Equipamentos de segurança que não podem faltar no carro

Cinto de segurança. Fundamental para evitar lesões e mortes em caso de acidentes. Têm como função prender os ocupantes junto ao banco, impedindo que sejam arremessados para fora, contra o painel ou ocupantes da frente. Além disso, o padrão de 3 pontos, adotado atualmente, é considerado como o mais seguro. Mantém o tronco junto ao encosto e evita até 60% dos traumas na coluna. Você sabe o que é direção defensiva?

Airbags. São obrigatórios para os veículos fabricados no Brasil desde 2014. É um item complementar ao cinto de segurança, porém o uso de um não dispensa a presença do outro. As bolsas de ar são infladas no momento da colisão, com a finalidade de amortecer o impacto dos ocupantes com o painel, as laterais ou os bancos da frente. Saiba como funcionam os airbags. 

Encosto de cabeça.  É um equipamento de segurança que, no caso de colisões traseiras, faz com que a cabeça dos ocupantes não sejam arremessadas para trás, causando lesões no pescoço. Certifique-se de que eles estejam bem ajustados no seu carro, assim você garante a segurança de todos os passageiros.

Luzes e faróis. Ajudam a evitar acidentes e a organizar o fluxo, indicando trocas de faixas, conversões e paradas. Além disso, aumentam a visibilidade. Seu uso, assim como um bom estado de conservação são obrigatórios e de extrema importância. O governo brasileiro determinou que em 2023 todo veículo deverá ser fabricado com luzes de circulação diurna, dispensando o uso do farol baixo durante o dia.

Freios. São eficazes na prevenção de acidentes. O ABS, por exemplo, é um sistema eletrônico muito eficiente que impede o travamento das rodas em uma frenagem forte. Esse tipo de frenagem se tornou obrigatória no Brasil desde 2014, o que ampliou a segurança dos veículos. 

Faça seu consórcio!

Acesse o nosso Simulador de Consórcio e tenha acesso a uma infinidade de modelos de carros, com planos que cabem no seu orçamento!