Diferenças entre IPVA, DPVAT, CRV e CRLV

Segundo o site do DETRAN existem diversas siglas que estão presentes no dia-a-dia dos motoristas. Portanto, veja abaixo as principais diferenças entre IPVA, DPVAT, CRV e CRLV. 

Diferenças entre IPVA, DPVAT, CRV e CRLV

  • IPVA (Imposto sobre a propriedade de veículos automotores): Cobrado anualmente pela Receita Estadual. Primeiramente, metade do dinheiro arrecadado fica no município em que o veículo foi emplacado; a outra parte vai para os cofres públicos para ser aplicado em diversas áreas, como saúde e educação.  O valor cobrado por esse imposto é calculado a partir do valor do veículo, sendo 1% para veículos destinados a locação e para os que utilizam Gás Natural Veicular e 2,5% para os demais veículos.
  • CRLV (Certificado de Registro e Licenciamento de veículos): Documento que permite o direito de livre tráfego ao veículo. Anualmente, os proprietários de veículos recebem em casa a guia de recolhimento no valor de R$ 26,46 referente à atualização do CRLV. Contudo, após efetuar o pagamento, o proprietário do veículo recebe o licenciamento devidamente quitado, no prazo de oito dias úteis. Os pagamentos iniciam em agosto para os veículos com placas finais 1 e 2 e terminam em novembro com as placas finalizadas com 9 e 0.
  • DPVAT (Danos Pessoais Causados por Veículos Automotores de Via Terrestre): O Seguro obrigatório DPVAT tem como função indenizar vítimas de acidentes de trânsito ocorridos com veículos automotores em vias terrestres.  Ou seja, a indenização é paga em casos de morte, invalidez total ou parcial e reembolso de despesas médicas. A contribuição deve ser paga juntamente com licenciamento anual e o valor cobrado varia de R$ 84,87 (automóveis) até R$ 380,83 (ônibus).
  • CRV (Certificado de Registro de Veículos): Esse documento é emitido no 1º emplacamento do veículo. Além disso, qualquer alteração de característica do veículo deve ser informada ao Detran para que sejam alteradas no CRV. Quando houver perda do documento o proprietário deve se dirigir ao Detran e solicitar uma segunda via.

Lembrando que o CRLV é único documento de porte obrigatório, que sempre deve estar junto com o veículo. 

FAÇA SEU CONSÓRCIO!

Agora que você já sabe as principais diferenças entre IPVA, DPVAT, CRV e CRLV. Que tal garantir o carro dos seus sonhos agora mesmo? Com o consórcio você pode conquistar o 0km, seminovo ou importado que você sempre sonhou e ainda por cima economizando! Acesse o nosso Simulador de Consórcio e veja o plano ideal para você!